Quinta-feira - Manaus - 17 de outubro de 2019 - 12:15

MANAUS-AM

​Polícia prendeu 1.455 suspeitos de assaltar ônibus em 2017

Entre janeiro e dezembro do ano passado, 14.676 veículos foram fiscalizados por barreiras fixas e móveis

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 19 de janeiro

O efetivo policial monitora os veículos dentro do mapa criminal de assaltos

Foto: Divulgação/ SSP

Em 2017, a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) prendeu 1.455 pessoas por roubos a ônibus e efetuou 190 prisões em flagrante durante as operações ‘Catraca’ e ‘Rota Segura’, dedicadas exclusivamente a fiscalização dos ônibus de transporte coletivo e também aos que fazem transporte para o Polo Industrial de Manaus (PIM). Os dados são da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

No mesmo período, 235.134 mil pessoas foram abordadas durante essas ações, além de 30 armas de fogo e 11 armas brancas apreendidas nas mais de 150 operações policiais dedicadas aos ônibus.

Determinadas pelo vice-governador e Secretário de Segurança Pública, Bosco Saraiva, as operações passaram a atuar com barreiras fixas e monitoramento dos veículos com abordagens surpresa, com blitze móveis que ocorrem em todas as zonas da capital. 

“O reforço no patrulhamento ostensivo tem como objetivo reduzir o número de casos e levar maior tranquilidade para a população que utiliza o transporte coletivo em Manaus. Essas ações continuarão sendo intensificadas”, reforçou Saraiva.

O trabalho da Operação Catraca envolve as Companhias Interativas Comunitárias de cada bairro e o Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), que atualmente está 90% dedicado ao assunto, ciclopatrulhando os ônibus e fazendo abordagens preventivas. A nova medida tornou a Operação Catraca mais dinâmica, segundo o Comandante-Geral da PM. O efetivo policial monitora os veículos dentro do mapa criminal de assaltos identificado pela Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai).