Quarta-feira - Manaus - 13 de novembro de 2019 - 04:12

MANAUS-AM

MPF abre inquérito para apurar falta de medicamento na Cema

A Dorzolamina 2% é um medicamento indicado para ajudar a diminuir a pressão intraocular elevada e para o tratamento de glaucoma

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 22 de outubro - 15:29

A instauração foi publicada no Diário Oficial do órgão e assinada pelo Procurador da República em substituição, Edmilson da Costa Barreiras Júnior. 

Foto: Divulgação

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF-AM) abriu inquérito para apurar a falta do medicamento Dorzolamina 2%, indicado para ajudar a diminuir a pressão intraocular elevada e para o tratamento de glaucoma, na Central de Medicamentos do Amazonas (Cema). 

A instauração foi publicada no Diário Oficial do órgão e assinada pelo Procurador da República em substituição, Edmilson da Costa Barreiras Júnior. 

A medida foi tomada considerando a ausência por parte da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) acerca da ausência de medicamentos, causando a impossibilidade para esclarecimento de alguns pontos pertinentes, como a dispensa de medicamentos aos pacientes, estoques dos insumos, bem como o processo de aquisição.

Outra apuração

No mês passado, a Cema foi novamente alvo do MPF. Um inquérito foi instaurado para apurar as causas do desperdício de insumos farmacêuticos que acabaram tendo sua data de validade vencida, não podendo serem utilizados de nenhuma maneira. Segundo as informações do Inquérito Civil, o desperdício causou um prejuízo na ordem de R$ 2 milhões aos cofres públicos.