Quinta-feira - Manaus - 17 de outubro de 2019 - 12:10

MANAUS-AM

Polícia registra 492 carros furtados e roubados em um mês

A seguradora de veículos é uma opção válida para esses casos.

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 3 de março

Durante todo o ano de 2017, foram registrados 8.197 ocorrências

Foto: Divulgação

Apenas no mês de janeiro, foram registrados 492 ocorrências, sendo 285 roubos e 207 furtos de veículos na capital, cerca de 15 carros por dia. O número de recuperados chegou a 241, de acordo com dados informados pela Sistema Integrado de Segurança Pública (SISP) através da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP/AM).

Ainda de acordo com o SISP, durante todo o ano de 2017, foram registrados 8.197 ocorrências, sendo 4.585 carros roubados e 3.522 furtados, cerca de 17 carros por dia. O total de carros recuperados nesse mês foram de 4.214. Um número maior que no ano de 2016, quando o total chegou a 6.289 ocorrências registradas, quase 22 carros roubados por dia.

Segundo o delegado Rafael Allemand, titular da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), nos dois primeiros meses de 2017 foram registrados na unidade policial, 1.032 roubos e furtos de veículos (carros e motos), em comparação com o mesmo período deste ano, foram 764 casos dessa natureza, uma redução de 26%.

Conforme a autoridade policial, a redução está relacionada com as operações realizadas no interior do estado, para onde são levados esse veículos com restrição de roubo e furto. Essas operações também contam com o apoio do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e Polícia Militar.
Allemand revelou ainda que a participação da população também auxilia nas investigações por meio do rapasse das informações, resultando em 500 veículos recuperados, apenas nos dois primeiros meses deste ano, ou seja, 67% de índice.

“Orientamos que sempre que uma pessoa estiver entrando ou saindo da residência dela, é preciso verificar se há movimentação estranha nas ruas, a fim de evitar ficar dentro dos veículos em ruas desertas ou pouco iluminadas com o celular ligado (luminosidade), facilitando a abordagem de meliantes”, argumentou o titular da Derfv.

O valor dos seguros de automóveis varia entre 10% a 12% no valor do veículo, além da base no modelo e ano do veículo e perfil do condutor

Foto: Divulgação/ Secom

Seguradora

Como forma de reduzir o prejuízo que o motorista sofre na hora do roubo ou furto de seu carro, a seguradora de veículos é uma opção válida para esses casos.

Com o boletim de ocorrência nas mãos, o segurado deve avisar a seguradora imediatamente. Com isso, ela vai solicitar uma série de documentos ao segurado e pagar a indenização em 30 dias a partir da documentação completa. Se constar que falta algum documento, a contagem é interrompida e só é reiniciada após a entrega da documentação que falta.

Se o veículo for recuperado, o segurado precisa avisar à seguradora para o processo de pagamento ser interrompido. O segurado não recebe a indenização integral. Caso o veículo seja recuperado depois da transferência de propriedade e antes do pagamento, o direito à indenização integral por roubo e furto se mantém.

O valor dos seguros de automóveis varia entre 10% a 12% no valor do veículo, além da base no modelo e ano do veículo e perfil do condutor. O perfil do condutor baseia-se no CEP e o local de incidência.