Segunda-feira - Manaus - 12 de novembro de 2018 - 18:54

DIVERSÃO

Em Manaus, Palácio da Justiça receberá roda de capoeira neste domingo

O objetivo da ação é integrar diferentes pessoas envolvidas com a capoeira

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 12 de janeiro - 11:41

O evento, que acontecerá das 11h às 13h, será dirigido pelo mestre Ricardo Camisa Furada.

Foto: Divulgação

Manaus - Comemorando o aniversário de 25 anos do projeto “Gingando na Educação dos Jovens”, a Associação de Capoeira Berimbau dos Palmares (ACBP) e o Centro de Capoeira Malícia realizarão no próximo domingo (14/1), das 11h às 13h, uma roda de capoeira no Centro Cultural Palácio da Justiça. O evento tem apoio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), por meio do Programa Espaço Aberto, e terá entrada gratuita.

De acordo com Ayslan Almeida, também conhecido como  contramestre Popeye, que é um dos coordenadores do projeto, o objetivo da ação é integrar diferentes pessoas envolvidas com a capoeira. “Esse encontro serve para fortalecer o grupo e fazer um intercâmbio entre os capoeiristas da região”, comenta Ayslan.

O evento será dirigido pelo mestre Ricardo Camisa Furada e para participar da roda, a associação convidou alunos e professores que atuam na capoeira no Estado do Amazonas.

Sobre o grupo – O mestre Ricardo Camisa Furada fundou em Manaus a Associação de Capoeira Berimbau dos Palmares (ACBP), em 1993, com o objetivo de incentivar a comunidade a aprender mais sobre a capoeira. Com esse intuito, ele realiza ações voluntárias, ensinando pessoas de todas as idades sobre a arte da capoeira.

Já o contramestre Popeye, que foi aluno de Ricardo em 1995, atua na capoeira desde 2010. Atualmente, ele participa do Centro de Capoeira Malícia e leciona no Centro de Convivência da Família André Araújo, no bairro Raiz.

Serviço: Roda de capoeira em comemoração ao aniversário de 25 anos do projeto ‘Gingando na Educação dos Jovens’
Data/hora: Domingo, 14 de janeiro, de 11h até 13h
Local: Centro Cultural Palácio da Justiça – Avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro
Entrada: Gratuita

FONTE: Secretaria de Estado de Cultura