Quinta-feira - Manaus - 16 de agosto de 2018 - 07:37

MUNDO

Coca-Cola vai lançar sua primeira bebida alcoólica em 130 anos

Direção da empresa diz que essa bebida com álcool será “única” na história da empresa, cujos produtos começaram a ser comercializados em 1886

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 8 de março - 06:36

Há décadas o Japão se destaca entre os mercados da empresa como um caso quase ímpar, pela grande variedade de bebidas oferecidas por lá

Foto: Divulgação

A Coca-Cola lançará em 2018 a sua primeira bebida alcoólica em mais de 130 anos de história da empresa. O novo produto, em lata, será vendido no Japão, segundo anunciou Jorge Garduño, presidente da unidade nipônica da companhia.

“Trata-se de uma categoria conhecida no Japão como Chu-Hi”, conta Garduño numa publicação corporativa. “É uma bebida enlatada que inclui álcool. Tradicionalmente, é feita com uma bebida destilada chamada shōchū e água com gás, além de alguns aromatizantes”. O shōchū tem uma graduação alcoólica próxima de 25%, e geralmente é destilado a partir da cevada, batata-doce ou arroz, de forma que é mais fraco que o uísque e a vodca, e mais forte que o vinho e o saquê.

O diretor diz que essa bebida com álcool será “única” na história da empresa, cujos produtos começaram a ser comercializados em 1886. Desde então, a The Coca-Cola Company sempre se dedicou a fabricar bebidas não alcoólicas. O executivo qualifica a novidade como um “experimento modesto para uma parcela específica” do mercado da empresa. “A categoria Chu-Hi se encontra quase exclusivamente no Japão (…), mas não acredito que se espere ver esse tipo de produtos da Coca-Cola no resto do mundo”, acrescentou ele na entrevista corporativa.

Há décadas o Japão se destaca entre os mercados da empresa como um caso quase ímpar, pela grande variedade de bebidas oferecidas por lá. Só em 2016 a companhia lançou 100 novos produtos, alguns como marcas novas, e outros como variações dos mais populares. No Japão, a Coca-Cola já inova com outros novos sabores, como o da marca de chá Ayataka.